Planear uma Nova Gravidez evita Partos Prematuros


planearumanovagravidez.jpg

Um intervalo muito curto entre um parto e uma nova gravidez aumenta os riscos de parto prematuro e de problemas de saúde para a mulher e para o bebé.

A Universidade de Washington realizou uma investigação sobre o tema, no qual, num universo de 156 mil mulheres, foram ponderados os intervalos entre duas gravidezes, a forma como decorreu o segundo parto e a saúde dos segundos filhos. Com os dados apurados, concluiu-se que:planear uma nova gravidez

» Um intervalo inferior a 6 meses entre um parto e a gravidez seguinte aumenta em 41% por cento o risco de parto prematuro (antes das 35 semanas de gestação);

» Um intervalo entre 6 e 12 meses aumenta 14% o risco de parto prematuro;

» Um intervalo entre 12 e 18 meses não implica o risco de parto prematuro.

Os riscos de parto pré-termo são ainda mais elevados para as mulheres que já tiveram um anteriormente, caso não façam o intervalo mínimo aconselhável de 12 meses entre duas gravidezes.

Planear uma nova gravidez é, pois, fundamental, pois o organismo da mulher precisa de um tempo para recuperar da gravidez anterior, sobretudo ao nível do restabelecimento nutricional, a fim de evitar complicações em termos de saúde.





  No comments

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>