Guia da Gravidez: da 13ª à 15ª semana

Com este guia da gravidez contextualizamos os acontecimentos da 13ª terceira à 15ª semana. No decorrer da 13ª semana, dá-se início ao segundo trimestre da gravidez e, com certeza, a gestante deseja saber tudo o que se passa com o seu corpo, quais as alterações e sensações deverá sentir, assim como com o feto que, cada vez mais, ocupa um lugar preponderante na sua vida.

13ª semana de gravidez

O feto já mede quase 8 cm e o peso deve estar por volta de 20 gramas. O corpo do bebé já está completamente formado, já com impressões digitais nos dedos, estando a cabeça e o corpo mais proporcionais. A parte mais delicada do desenvolvimento fetal já passou e começa agora a fase de crescimento e maturação dos órgãos.

Contraceção trava Gravidez indesejada na adolescência

Uma em cada três mulheres por­tuguesas já teve, pelo menos, uma gravidez indesejada, conclui um es­tudo do Instituto de Ciências Sociais, apresentado pela Associação para o Planeamento Familiar (APF), no Dia Mundial da Contraceção. Uma das principais causas de gravidez na adolescência é a ausência de qualquer método contracetivo.

A APF tem levado a cabo várias campanhas de sensibilização para contrariar esta tendência e in­verter o crescimento dos números de gravidezes indesejadas. No entanto, e apesar dos esforços empreendidos junto dos jovens na divulgação sobre a impor­tância do uso de contracetivo, Por­tugal é um dos países europeus em que a gravidez na adolescência regista uma maior taxa – em média, um em cada vinte nascimentos.

Ainda segundo o es­tudo apresentado pela APF, mais de um terço dos jovens sexualmente activos não uti­liza regularmente contracetivos.

Anestesia e controlo da dor no Trabalho de Parto

O parto é o tão esperado momento que marca final da gravidez, quando o bebé deixa o útero da mãe para dar início a uma nova vida…

Quando a mulher grávida inicia o trabalho de parto, alguns dos primeiros sintomas são o aparecimento de dores na parte inferior das costas e em toda a região abdominal; a bolsa das águas rompe-se, começam a aparecer as contrações… enfim um sem número de modificações e alterações que decorrem num curto espaço de tempo. No entanto, é das dores que a grávida sente mais receio e, hoje em dia, a maioria das mulheres grávidas usa diferentes técnicas com a finalidade de atenuar as dores inerentes ao trabalho de parto.

A maior parte das mulheres usa a anestesia como principal método para atenuar as dores. Existem três tipos de anestesia que podem ser utilizados em trabalho de parto: a anestesia epidural, a anestesia raquidiana ou anestesia combinada das duas anteriores.

Saúde na Gravidez: doenças infetocontagiosas

Embora engravidar seja um ato natural, existem algumas doenças ou infeções que podem surgir ou sofrer uma mudança durante a gravidez.

Existem algumas infeções capazes de atravessar a placenta, podendo mesmo afetar o desenvolvimento fetal, apesar de não exporem a saúde da mãe a qualquer tipo de risco.

Algumas das infeções são mais conhecidas do que outras, mas há que as conhecer para saber quais os cuidados a ter, a fim de preservar a saúde do bebé e minimizar qualquer interferência no seu desenvolvimento.

Alimente-se Bem e tenha uma Gravidez Saudável

Durante a gravidez deve ter a preocupação acrescida em se alimentar bem. Não se trata de comer por dois, o importante é a qualidade das suas refeições para que possa manter uma gravidez saudável, assegurando as suas necessidades nutricionais e as do feto.

Esqueça a ideia de comer por dois, pense antes em comer bem por dois motivos: a sua saúde e a do seu bebé. É verdade que deve aumentar a quantidade das calorias na sua alimentação; mas durante a gravidez o seu organismo precisa, no máximo, de 350 calorias a mais por dia para que o bebé cresça e se desenvolva. Para o conseguir, deve manter uma alimentação variada e rica em frutas, verduras, leite e derivados, carnes magras e hidratos de carbono integrais, que asseguram todas as necessidades nutricionais desta fase.

No geral, a alimentação durante a gravidez está cercada de mitos. Além do de comer por dois, há quem acredite que, quanto mais a gestante engorda, melhor para o bebé. Nada disso! Engordar muito durante a gravidez é tão prejudicial como em qualquer outra fase da sua vida. Na verdade, o segredo para uma alimentação saudável é o mesmo de sempre: comer de tudo, sem exageros, respeitando a fome e enganando a gula. A regra de ouro é escolher bem os alimentos e comer na medida certa.