Importância da Doula na Gravidez, Parto e Pós-parto


Importância da Doula na gravidez, parto e pós-parto

Doula é uma palavra de origem grega, que significa “serva que ajuda outras mulheres”. Esta é atualmente a tarefa efetiva de uma doula, mas no sentido restrito da maternidade, apoiando a mulher durante a gravidez, no trabalho de parto e no pós-parto.

Na década de 1980 realizaram-se diversos estudos, no sentido de avaliar os benefícios de determinadas práticas de saúde materna no momento de trabalho de parto e pós-parto. Concluiu-se, então, que as puérperas tinham um desempenho e participação surpreendentemente melhores no decorrer do trabalho de parto se estivessem acompanhadas por uma mulher que lhe prestasse ajuda emocional e física durante todo o tempo.

Com a intervenção das doulas, constatou-se uma redução de:

  • 25% do tempo de trabalho de parto;
  • 30% do recurso a analgésicos;
  • 30% do recurso aos fórceps;
  • 40% do recurso à oxitocina;
  • 50% de cesarianas;
  • 60% do uso de epidural;
  • Incidência de depressão pós-parto;
  • Problemas na amamentação.

doulaA Organização Mundial de Saúde recomenda que a puérpera tenha um apoio emocional e físico constante, aquando do nascimento do filho. As doulas desempenham um papel preponderante neste momento da vida da mulher, tendo-se registado, nos últimos anos, um aumento na procura destes serviços de apoio à saúde materna.

No entanto, a doula não tem formação médica ou de enfermagem, daí que não realize qualquer ato médico, como: medir tensão arterial, escutar o bebé ou fazer toques vaginais.

Durante a gravidez, a doula informa a gestante e ajuda:

  • A planear o parto e o momento do nascimento, apoiando e respeitando os desejos da grávida;
  • A preparar e organizar tudo o que é necessário para o parto, pós-parto e para o bebé;
  • Disponibilizando-se para falar com a grávida sempre que esta necessite de esclarecer as suas questões e/ou receios.

No parto, a doula informa a puérpera e ajuda:

  • A encontrar posições mais cómodas, propondo formas de respiração favoráveis, ao mesmo tempo que proporciona técnicas de relaxamento e massagens;
  • Complementando o apoio que habitualmente os serviços de saúde disponibilizam;
  • Permanecendo junto da mãe durante todo o trabalho de parto, dando apoio físico e emocional individual.

No pós-parto, a doula informa e ajuda a mãe:

  • Fazendo-a sentir-se acompanhada, cómoda e, se necessário, apoiada nas tarefas domésticas;
  • Na amamentação e nos cuidados de higiene do bebé;
  • Transmitindo-lhe confiança e dando apoio emocional;

A doula é, pois, uma profissional de saúde materna que assegura o apoio emocional, físico e informativo durante a gravidez, visando uma preparação e acompanhamento no momento do parto e no pós-parto. Por norma, é uma mulher que já viveu a experiência da maternidade e, também por isso, está inteiramente apta para apoiar a puérpera e o seu companheiro a viver plenamente a chegada de um filho.





  No comments

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>